Se esbalde em Petrolina, uma delícia de cidade em Pernambuco

Petrolina - capa
Compartilhe com amigos:

Petrolina é a segunda maior produtora de uvas do país, além de um dos polos que mais geram emprego nacionalmente.

As frutas produzidas no município são exportadas para todo o mundo, principalmente para o mercado europeu.  

É um verdadeiro oásis no interior pernambucano. Localizada às margens do Rio São Francisco, na divisa com a Bahia, a cidade é um mergulho na cultura sertaneja e garantia de dias bem aproveitados em praias fluviais e passeios de barco pelas águas do Velho Chico. Veja as melhores hospedagens da região!

Antes de conhecermos mais dessa maravilha nordestina, veja mais também sobre Algodoal, um paraíso escondido no Pará.

Petrolina - 1

O que fazer em Petrolina

A cidade é rica culturalmente e na gastronomia, ou seja, opções não faltarão para o turista.

Petrolina - A Oficina do Artesão

A Oficina do Artesão, que se divide em duas alas: tecido e madeira, abriga por volta de 20 artesãos e artesãs. Diante desta diversidade, é um termômetro da experimentação artística na região do São Francisco.

Balneário de Pedrinhas

O Balneário de Pedrinhas é uma barroca vila de pescadores onde é permitido saborear os melhores deliciosos pratos feitos especialmente com peixes de água doce e desfrutar de um belo cenário ao mesmo tempo.

Um palco de exuberantes belezas naturais, o Balneário de Pedrinhas é modesto, porém muito agradável, e é ideal para ir com a família e passar o dia relaxando. O acesso é todo asfaltado, mas é preciso tomar cuidado com as curvas, pois elas são bem fechadas. O local tem estacionamento próprio e não cobra entrada.

Um dos mais procurados no município.

petrolina - Balneário de Pedrinhas

Bodódromo

O Complexo Gastronômico do Bodódromo é uma celebridade na região de Petrolina, tendo como destaque a carne de carneiro, que pode ser assada e acompanhada de feijão verde, arroz, pirão, vinagrete, macaxeira e purê. Uma vasta possibilidade de sabores combinados.

Outras comidas tradicionais encontradas nos cardápios são carne de sol, feijão-tropeiro, queijo coalho, tapioca, cuscuz, buchada, sarapatel, bode guisado e baião de dois.

Instalado ao ar livre, o espaço conta com 28350 metros quadrados e com 10 restaurantes, 22 quiosques, banheiros, churrasqueiras e uma área exclusiva para festas.

Os quiosques são bem diversificados, comercializando do artesanato ao lava jato, além de sorveterias, pastelarias, banca de revistas e jornais, salão de beleza e outros empreendimentos locais.

Petrolina - bododromo

Comentários Facebook

Compartilhe com amigos: